Blog de Jhancy Richelm - Ceará-Mirim


23/07/2010


COISAS DA VIDA Muitas Ve tô com tantas coisas na cabeça que fica

difícil focar em um único assunto pra escrever.  Gostaria

de conseguir me expressar melhor nas palavras...

Mas tantas coisas acontecem que às vezes fica praticamente impossível descrever.

É madrugada de quinta pra sexta-feira, nesse momento estou me esvaziando, esvaziando as emoções, as expectativas que por ventura vieram aparecer, os desejos ambiciosos, a curiosidade do futuro, certas dúvidas, a saudade... tudo... tô esvaziando tudo. Entrego minha existência, minha família e o meu amor, emprego, vocação e tudo que está ao meu redor a DEUS, pois ele conhece todas as coisas e sabe o que é melhor para mim. 

 

Escrito por Jhancy Richelm às 01h14 AM
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

ESTE LUGAR É LINDO E TRANSMITE UMA PAZ INCRÍVEL!

Escrito por Jhancy Richelm às 12h51 AM
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

22/07/2010


NA ÍNTEGRA

Linha de trem ainda está fazendo a viagem pela metade

Desde a semana passada, quando uma cratera se abriu sob a ferrovia, em Igapó, o trem que faz a linha para Ceará-Mirim, só faz as viagens até o Soledade II.

Há uma semana, o ponto final do trem que chega de Ceará-Mirim tem sido o terminal do Soledade. Antes, o destino era a Ribeira no centro de Natal. Uma mudança que tem complicado a vida de muita gente.

Os passageiros são os mais prejudicados. Muitos que descem na estação do Soledade ainda tem que pegar um ônibus para seguir para o destino.

Na última sexta-feira, a tubulação de drenagem rompeu e abriu uma cratera sob os trilhos. No final de semana, operários trabalhavam para fechar o buraco, que mede cerca de seis metros de profundidade. A demora no conserto, tem trazido transtornos principalmente para os desavisados, que tem que voltar dali mesmo da estação, após ser informado do problema.

“Não tava sabendo de nada e agora, que estou sabendo, vou para o terminal de ônibus pegar o ônibus”, diz a costureira Glória Miranda.

O bilheteiro, Danilo Lima, conta que muitos passageiros chegam à estação sem saber do problema, mas que, ao serem informadas, a única saída, é voltar.

O jeito, é fazer a transferência pegando um ônibus, na parada mais próxima.

Por causa de problemas que impedem a passagem do trem pela estação de Igapó, muita gente tem ficado no meio do caminho. São cerca de cinco mil pessoas que dependem do transporte ferroviário todos os dias para seguir viagem. Por isso mesmo, além de mais demorado, o percurso também ficou mais caro. Uma conta que vai ser bem difícil de fechar no final do mês.

A passagem de trem custa apenas R$ 0,50. Agora, os passageiros tem que desembolsar mais R$ 2 para pegar o ônibus. O resultado é cinco vezes o que gastavam antes. Uma diferença que o auxiliar de pedreiro, Juarez Monteiro, já sente no próprio bolso.

“O dinheiro de viajar a semana, nós viaja em um dia”, comenta. Segundo ele, o peso no orçamento vai ser significativo, porque os vales que recebe é para o mês e, com esse problema, vai gastar praticamente em uma semana.

Sem falar na demora para quem tem pressa de chegar ao trabalho. “A gente tem que quando chegar aí (na estação de trem), descer e vir logo pra cá (no terminal de ônibus), para pegar o ônibus. Aí fica mais difícil, chega atrasado no trabalho”, afirma o pedreiro, Reivaldo Santos.

Haja mais tempo perdido na volta para casa. Joab Sena mora em Extremoz e estuda no Potengi, em Natal. Com a alteração no itinerário, ele se vê obrigado a caminhar 20 minutos, todos os dias, para conseguir pegar o transporte.

“Tempo é dinheiro. Então, a gente tá perdendo dinheiro porque tá perdendo tempo. Vinte minutos pra vir e vinte minutos pra ir, são quarenta minutos. Quarenta minutos do seu tempo por causa desse problema do trem”, argumenta o vidraceiro, Joab Sena.

“A nossa previsão é segunda-feira (26), se não houver algum contratempo. Acreditamos e estamos torcendo e estamos nos empenhando, juntamente com a Semopi (Secretaria Municipal de Obras Públicas e Infraestrutura), para a execução dessa obra, que realmente é da prefeitura, mas que nós estamos acompanhando a todo instante. Estamos lutando e vamos estar presentes sábado e domingo e torcendo para que nós possamos atingir o nosso objetivo”, declara o superintendente da Companhia Brasileira de Trens Urbanos, Erli Bastos.

Enquanto a solução não chega, o trem volta do meio do caminho

FONTE: IN360

Escrito por Jhancy Richelm às 11h48 PM
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

A festa você já conhece.  Todo mundo vai e vc não pode ficar fora dessa!

FRASE DO DIA: A OBRA DO SENHOR JESUS ESTÁ VIVA EM MIM!

JHANCY RICHELM!

Escrito por Jhancy Richelm às 11h28 PM
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Perfil

Meu perfil
BRASIL, Nordeste, CEARA-MIRIM, Mulher, Cinema e vídeo, Viagens, livros e música
MSN -

Histórico